mundo perfeito

blogue do mundo perfeito - página principal em www.mundoperfeito.pt

2.6.04

“Poetas morrem mais cedo”

Há cerca de um mês, foi divulgada uma investigação realizada nos EUA, acerca da esperança de vida dos escritores. “James Kaufman, da Universidade Estatal da California, estudou o percurso de 1987 escritores mortos de todo o mundo”, informa-nos a breve do jornal Público. Ao que parece, os poetas são os que morrem mais cedo. Kaufman (que curioso nome para o investigador!) descobriu ainda que os poetas também têm mais tendência para sofrer de doenças mentais.

Talvez seja altura de nos juntarmos e exigirmos, à semelhança do que já foi feito com as empresas tabaqueiras, indemnizações às bibliotecas, às escolas, a todas as entidades que promovem o gosto pela leitura e pela poesia. Eu, por exemplo, não tinha a informação suficiente em meu poder e acabei por publicar um livro de versos em edição de autor. Além de meter saído do bolso, ainda perco anos de vida? Os poemas eram assim tão maus que o seu autor mereça pena capital? Não descansarei enquanto não forem punidos os verdadeiros responsáveis. Ilegalize-se a poesia, já. Avisem-se os pais de adolescentes que começam agora a ser desencaminhados por versos imberbes.

Ou então limitemo-nos a dar-nos por felizes em morrer cedo e poeticamente.

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home