mundo perfeito

blogue do mundo perfeito - página principal em www.mundoperfeito.pt

31.8.05

Recomeços

Há quem olhe para a vida como uma linha contínua, agitada pelos altos e baixos do ritmo cardíaco.
Há quem olhe para vida como uma espiral, ascendente ou descendente, dependendo do grau de esquizofrenia.
Há quem olhe para a vida com um círculo perfeito em que o final se confunde com o início.
Mas também há quem olhe para a vida como um conjunto de traços, uns finitos e outros não, sem ligação aparente, sem sentido, feitos de inícios, finais, recomeços. Um entulho de rabiscos.
É o meu caso. Sempre fui mau a geometria.

NOTA: O blogue do Mundo Perfeito volta a ser habitado por este inquilino.

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home